Chanel mostra seu selo, mas aposta pelo futuro

Com a assinatura de Karl Lagerfeld, a Chanel apresentou no Gran Palais uma coleção mais futurista para a próxima primavera-verão 2017, fazendo um gesto para o público millenial, com seu selo clássico, sóbrio e tradicional.
A proposta não perdeu a essência da Chanel, com seus clássicos tailleurs de tweed, mas incorporou toques de vanguarda e tecnológicos como pequenas incorporações LED, prints ácidos ou bonés juvenis para renovar seus looks mais tradicionais.
Para acentuar sua visão futurista, a casa francesa escolheu a tecnologia, gerando uma apresentação inspirada na tecnologia dos data centers, e o cinema, vestindo algumas de suas modelos com seus rostos cobertos por capacetes que lembram os míticos soldados Stormtroopers da saga ‘Star Wars’.
Dessa forma a Chanel combinou sua essência clássica com uma sóbria atualização da sua proposta, que já vem sendo desenvolvida desde o ano passado, quando contratou alguns dos rostos mais significativos desta nova geração, como Lilly-Rose Deep ou Willow Smith, que com certeza serão as encarregadas de vestir estas novas propostas.